O sucesso da pré-escola Montessori

Claudio Macedo
31/10/2017

Escola Montessori. [1]
Estudo realizado em escolas dos EUA descobriu que naquelas que adotam o método Montessori na educação pré-escolar as crianças matriculadas dos 3 aos 6 anos demonstram desempenhos significativamente melhores em medidas de realização acadêmica, compreensão social, controle, e gosto em realizar tarefas escolares, do que as crianças da mesma faixa etária matriculadas em escolas convencionais. Além disso, mais dois aspectos chamaram a atenção dos pesquisadores: (1) a diferença no desempenho acadêmica entre as crianças de menor renda, na educação de Montessori, e as de renda mais elevada, educadas convencionalmente, mostrou-se cada vez menor ao longo do tempo do tempo, e tornou-se insignificante no final do estudo; (2) desafiando a tradição pedagógica de que a função executiva (medida de habilidades que permitem a pessoa controlar seu comportamento para alcançar um objetivo) prevê o desempenho acadêmico, em salas de aula Montessori, crianças com menor função executiva obtiveram resultados acadêmicos tão bons quanto aquelas com maior função executiva [2].

A pesquisa foi realizada em salas de aula de escolas públicas incluiu 141 crianças, 70 crianças em escolas Montessori e 71 em outras escolas. As crianças foram testadas 4 vezes ao longo de 3 anos em uma variedade de fatores cognitivos e medidas sócio emocionais. O primeiro teste foi aplicado no início do estudo (as crianças com 3 anos) e o último no final do pré-escolar (as crianças com 6 anos).

Amplos estudos em desenvolvimento infantil têm concluído que o cérebro humano se desenvolve de forma acentuada nos primeiros 6 anos de vida, e o ambiente em que a criança vive produz efeitos no cérebro que parecem se tornar permanentes. Esses estudos têm justificado a intensa preocupação com a qualidade da educação pré-escolar em todo o mundo.

O método Montessori foi desenvolvido no início do século 20 pela médica italiana Maria Montessori partindo da ideia de que as crianças pequenas aprendem de modo natural se lhes for permitido seguir suas motivações. A finalidade do método é ajudar a criança a pensar, agir e decidir por si mesma, e assim, viabilizar seu desenvolvimento pleno, integrando o crescimento social e cognitivo para uma vida saudável e independente. No dia a dia, dentro de uma estrutura com materiais didáticos especiais e supervisão dos professores, as crianças são livres para fazer escolhas construtivas entre atividades que lhe foram apresentadas, para explorar interesses pessoais e para decidir se trabalha sozinho ou com colegas nas salas de aula. Não há notas ou recompensas, e o aprendizado é situado em contextos reais ou simulados.

Esse trabalho [2] é um marco na determinação de evidências diretas da eficiência do método Montessori, antes, ao longo dos anos, o método adquiriu fama de alta qualidade através de evidências indiretas, vindas de depoimentos de personalidades famosas que declararam dever o sucesso pessoal à educação adquirida em escolas Montessori.

É importante que essa linha de pesquisa seja estendida para outros lugares do mundo, para verificar se esse sucesso observado do método Montessori nos EUA é específico de uma região em que professores, muito bem preparados, foram circunstancialmente reunidos, ou se realmente é generalizado.

[1] Crédito da imagem: abbamouse (Wikimedia Commons) / Creative Commons (CC BY-SA 2.0). URL: https://commons.wikimedia.org/wiki/File:Montessori-school2007.jpg.

[2] AS Lillard et al. Montessori Preschool Elevates and Equalizes Child Outcomes: A Longitudinal Study. Front Psychol 10.3389/fpsyg.2017.01783 (2017).

Como citar este artigo: Claudio Macedo. O sucesso da pré-escola Montessori. Saense. URL: http://www.saense.com.br/2017/10/o-sucesso-da-pre-escola-montessori/. Publicado em 31 de outubro (2017).

Artigos de Claudio Macedo     Home

Publicado por

Claudio Macedo

Claudio Macedo

Doutor em Física. Divulgador de Ciência. Professor da Universidade Federal de Sergipe (1976-2016).
Escreve sobre Temas Variados da Ciência no Saense.

2 thoughts on “O sucesso da pré-escola Montessori”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *