Massa, spin e essas coisas

Bruno Carneiro da Cunha
07/08/2017

A criação e decaimento de um quark “top” (“t”) e sua antipartícula (“t” com a barra em cima, ou “t-barra”). Sendo criados pela interação entre prótons e anti-prótons, os quarks se separam até eles próprios decairem em quarks tipo “bottom” e “charm” que em seguida geram mais partículas, e em léptons como o múon (“𝜇+”) e o neutrino associado (“𝜈𝜇”). Todos estes decaimentos são mediados pela força fraca, tendo como mensageiro o bóson vetorial massivo “W”. [1]
O que é, afinal, uma “partícula elementar”?

Este é, no âmago, uma construção teórica: partículas elementares são os tijolos Continuar lendo Massa, spin e essas coisas

O enigma da energia escura

Bruno Carneiro da Cunha
03/07/2017

Uma simulação computacional de uma explosão de uma supernova tipo Ia, que ajudou os grupos de Perlmutter, Riess e Schmidt a determinar que o universo estava acelerando graças a ação da energia escura. Justamente pelo fato de serem suficientemente simples, as supernovas tipo Ia são usadas em astrofísica e cosmologia como “velas padrão”, que nos ajuda a medir distâncias no universo. Imagem por cortesia do Argonne National Laboratory [1].
O grande marco do início da mecânica quântica foi, sem sombra de dúvida, a formulação do princípio da incerteza por Heisenberg. É verdade, o princípio de Continuar lendo O enigma da energia escura