O grande benefício ecológico das aranhas

Claudio Macedo
16/03/2017

Aranha. [1]
As aranhas constituem um dos mais importantes grupos de inimigos naturais de insetos. São conhecidas 45.000 espécies de aranhas, todas carnívoras, alimentando-se predominantemente de insetos. Elas estão presentes em todas as partes do mundo, com uma densidade populacional média que chega a 1.000 indivíduos por m2, dependendo do bioma terrestre, e possuem extrema mobilidade; algumas delas viajam distâncias de até 30 km em um dia [2].

Pesquisadores europeus investigaram detidamente o impacto ecológico das aranhas como inimigas de insetos. Eles consideraram dados sistematizados em sete grupos de biomas terrestres: (1) florestas tropicais, (2) florestas temperadas e boreais, (3) pastagens tropicais e savanas, (4) prados e matagais mediterrâneos, (5) terras agrícolas, (6) desertos e (7) tundra ártica [2].

No trabalho, os autores usaram dois métodos de cálculo baseados em diferentes modelos que mostraram consistentemente que a população global de aranhas possui uma massa de cerca de 25 milhões de toneladas e aniquila entre 400 e 800 milhões de toneladas de presas por ano, sendo que mais de 90% das presas são insetos e Collembola [3]. É interessante comparar esses números com o fato de que, de acordo com a Organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), toda população humana consome cerca de 400 milhões de toneladas de carne e peixe por ano.

Assim, ao observarmos aranhas, é bom lembrarmos de como elas são importantes para a manutenção do equilíbrio ecológico da natureza pela grande ajuda na redução da densidade populacional dos insetos.

[1] Crédito da imagem: Jarosław Pocztarski (Flickr) / Creative Commons (CC BY 2.0). URL: https://www.flickr.com/photos/j-pocztarski/6990224183/.

[2] M Nyffeler & K Birkhofer. Sci Nat 10.1007/s00114-017-1440-1 (2017).

[3] Wikipédia. Collembola. URL: https://pt.wikipedia.org/wiki/Collembola.

Como citar este artigo: Claudio Macedo. O grande benefício ecológico das aranhas. Saense. URL: http://www.saense.com.br/2017/03/o-grande-beneficio-ecologico-das-aranhas/. Publicado em 16 de março (2017).

Artigos de Claudio Macedo     Home

Publicado por

Claudio Macedo

Claudio Macedo

Doutor em Física. Divulgador de Ciência. Professor da Universidade Federal de Sergipe (1976-2016). Escreve sobre Temas Variados da Ciência no Saense.

2 comentários sobre “O grande benefício ecológico das aranhas”

  1. Tenho medo de aranhas e muito medo de insetos e como ensinam os filmes, o inimigo do meu inimigo é meu amigo. Obrigado aranhas!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.